Chopin ou o Tormento do Ideal estréia em dezembro

Chopin ou o Tormento do Ideal é um espetáculo de valor cultural inestimável. Numa associação entre música e poesia, a peça é uma delicada e romântica homenagem a Chopin. A interpretação é da consagrada atriz Nathalia Timberg. A execução musical é de uma das maiores pianistas do país, a brasileira Clara Sverner. A direção é do fabuloso José Possi Neto.

A peça originalmente estreou no início de 1987. A primeira montagem aconteceu no Théâtre de la Gaîté-Montparnasse, em Paris. Nesta ocasião, Erik Berchot, pianista e Philippe Etesse, ator e autor, se uniram para compor o espetáculo. Berchot foi vencedor do prêmio Frédéric Chopin de Varsóvia de 1980.

Os pontos de partida foram cartas de George Sand, textos sobre a vida de Chopin, entremeadas com poemas e declarações de Liszt, Gérar de Nerval, Saint-Pol-Roux, Baudelaire e Musset. A peça lança luz sobre duas décadas da vida e da obra de Chopin nesta bela composição musical e literária. A obra cria e possibilita acesso ao subjetivo biográfico do compositor, com dados de realidade objetiva, fatos literários e estilo poético, considerando o ambiente cultural historiográfico.

Os eventos da vida do personagem são aqui marcados por música e texto e apresentam um estado de dialética, uma tensão permanente, dolorosa e um inatingível ideal como propósito.

Frédéric François Chopin nasceu em março de 1810 na França. Tornou-se um dos maiores compositores para piano e pianistas da era romântica, a relevância de suas técnicas equiparou-se a de Mozart e Beethoven. O compositor saiu da vida para entrar para a história em outubro de 1849.

Para o espetáculo a classificação de faixa etária é de 14 anos. A duração da peça é de 70 minutos.

Para mais informações e ingressos, acesse o site do Teatro Porto Seguro.

Nathalia Timberg fala sobre Chopin ou o Tormento do Ideal

Para ficar por dentro das novidades do teatro e do mundo da arte, permaneça neste site.

Ricardo Luiz Roveran

Aquariano, 36 anos, eterno e apaixonado estudante de filosofia, amante de ciências, escritor, crítico de cinema, literatura e música. Cristão e conservador.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

>
%d blogueiros gostam disto: